Quick
index
main
eev
maths
blogme
dednat4
littlelangs
PURO
(GAC2,
λ, etc)
(Chapa 1)

emacs
lua
(la)tex
fvwm
tcl
forth
icon
debian
irc
contact

Reunião com alunos e professores do ICT, 5ª 4/out/2012

Oi alunos e professores do ICT,

estamos marcando uma reunião nesta quinta, 4/outubro/2012, das 14:00
às 16:00, aberta a todos os interessados, para discutir várias
coisas importantes, entre elas:

  1) O que a gente aprendeu com a greve. Com a greve foi possível
     identificar e nomear bem mais claramente vários dos nossos
     problemas principais - vejam, por exemplo, os itens 1j-1n e a
     seção 4 da pauta de reivindicações,

       http://portal.andes.org.br/imprensa/noticias/imp-ult-1539784043.pdf

     e estes textos, de um pessoal do campus que a UFF tem em Campos
     dos Goytacazes:

       http://angg.twu.net/2012-delpupo.html

     Praticamente nenhuma das providências propostas pôde ser
     implementada - temos disponíveis essencialmente os mesmos
     recursos materiais que antes da greve, mas em certos sentidos
     nossos recursos "humanos" agora estão bem melhores que antes -
     temos modos de nos comunicar, de nos organizar e de agir que são
     bem melhores e mais variados que os de antes.

  2) O que é preciso fazer para das mais visibilidade aos problemas do
     PURO - e fazer com que as pessoas nas instâncias superiores
     ajustem suas prioridades?

  3) Qualquer pessoa num cargo público tem, por um lado, um certo
     poder e autoridade, mas, por outro, tem responsabilidades.
     Se nossos cursos ficam piores que os das universidades
     particulares que parte da responsabilidade é de quem - e o que
     podemos fazer com isto?

  4) O que temos que fazer para termos condições de estudar no PURO
     durante o verão?

  5) Algumas pessoas preferem poder acompanhar todas as decisões
     importantes que dizem respeito ao PURO, mas outras preferem poder
     se concentrar só nos aspectos técnicos dos seus trabalhos. Como
     podemos deixar mais informações acessíveis e ao mesmo tempo
     respeitar as pessoas que preferem ser poupadas delas?

  6) Participar de reuniões adianta? Porquê e pra quê? As reuniões não
     são todas iguais... e o que se pode fazer pra estragar ou pra
     consertar um certo espaço decisório.

  7) Partes diferentes do ICT têm pontos de vista muito diferentes, e
     descobrimos que às vezes até usam os mesmos termos com sentidos
     muito diferentes... por exemplo, "comprometimento com o Pólo"
     pode querer dizer tanto "dar muitas horas de aula" quanto
     "desenvolver modos pra dar aulas com a maior qualidade possível";
     e pra algumas pessoas o que falta é "sentar e conversar", mas pra
     outras isto nem faz sentido. Talvez esteja na hora de detalhar
     cada um destes pontos de vista por escrito, pra não precisamos só
     repetí-los - e pra podermos seguir adiante apesar das diferenças.

  8) Você realmente tem emprego garantido depois de se formar numa
     universidade "transformada em escolão"? (Sugestão: leia os textos
     em http://angg.twu.net/2012-delpupo.html e vamos discutir!)

  9) Como a gente pode se defender de pessoas que fazem coisas
     ilegais? Sugestão: assista o vídeo "Audiência Pública Sobre o
     Pinheirinho - Defensor Jairo Salvador", em
     http://www.youtube.com/watch?v=YXI6LHGFGxg, e vamos discutir!

  9) O sistema elétrico do PURO já aguenta muitos aparelhos de ar
     condicionado funcionando ao mesmo tempo? Como funciona o suporte
     técnico pros aparelhos de ar condicionado?

 10) Internet no PURO - preço de link pra pessoa física, PJ, e
     instituições públicas; suporte por bairros em Rio das Ostras;
     como funciona uma licitação; aumentar o link atual versus
     contratar um segundo link; modos melhores de aumentar o link, via
     Reitoria e NTI, versus modos piores, usando parte da verba do
     PURO; pólos da UFF (Volta Redonda, Angra dos Reis, e talvez
     outros) que usam parte da sua verba de Livre Ordenação pra
     contratar um segundo link; o que pode precisar ser instalado
     quando a banda aumentar - por exemplo, limitação de banda para
     cada usuário; quem no PURO (técnicos, estagiários, direção?) sabe
     detalhes sobre a situação atual da internet e sobre as tentativas
     de melhorá-la, e que atitudes nossas podem ajudar estas pessoas
     ao invés de atrapalhá-las.

 11) Há vários modos de dar visibilidade para um problema ou para uma
     idéia. Atas de reunião são boas porque são bastante "oficiais",
     mas em geral são escritas de forma árida e pouca gente as lê.
     Coisas publicadas na grande mídia têm muita visibilidade, mas
     vimos durante a greve que a grande mídia é muito seletiva com o
     que publica, e o que sai publicado é muito resumido e pouco
     confiável. Como encontrar o equilíbrio certo entre o "custo" pra
     se produzir informação legível e acessível e o "benefício" desta
     informação chegar às pessoas certas?

Importante: um dos objetivos desta reunião é registrar e tornar
(pelo menos um pouco) públicas as idéias que vão ser discutidas. Não
vamos ter condições pra fazer uma ata na qual essas idéias apareçam
transcritas de forma fidedigna e clara - fazer isto dá muito trabalho
e demora muito -, então ao invés disto vamos fazer o seguinte: a
reunião vai ser gravada, e um voluntário vai fazer um índice de a
que momento começa a fala de cada pessoa (por exemplo: 12:05, fulano;
14:10, beltrano). A gravação e este índice serão disponibilizados para
todos os interessados imediatamente ao fim da reunião, portanto tragam
seus pen drives! Obs: pessoas que quiserem fazer perguntas e
comentários sem ficarem identificáveis na gravação poderão fazer isto
por escrito, e seus textos serão lidos pela mesa organizadora.

Aviso: a reunião vai ser aberta, e TODOS os professores e alunos do
ICT estão ENFATICAMENTE CONVIDADOS. Estou convidando algumas pessoas
de fora do ICT também, mas elas vão estar avisadas de que no ICT não
temos tanta prática de debates e temos pouquíssimas oportunidades
disto entre nós - então estou pedindo que as pessoas de fora do ICT
façam falas mais concisas que o usual, nos ajudem a quebrar o gelo e a
discutir entre nós, e que se policiem para não tomarem todo o espaço.